Card image cap

Meditação

Um dos livros mais vendidos no planeta chama-se “O poder do hábito” que trata da força que existe a disciplina na organização e prática de alguns hábitos que proporcionam alcançar objetivos na vida como um todo.
Há, porém, uma série de outras disciplinas que começam em nossa vida interior e fluem através de nós para a nossa vida exterior.

Ao colocarmos em prática disciplinas espirituais nos tornamos capazes de lidar melhor com:

1. Escravidão de Hábitos Arraigados - Os movimentos naturais de nossa vida produzem lama e lodo em nosso interior onde a força de vontade não são capazes de nos livras destes hábitos que não são sauidaveis e que nos destroem.
2. Abrem Porta - A necessidade dentro de nós por mudança é uma obra de Deus e não nossa. Deus nos deu as disciplinas espirituais como meio de recebermos a sua graça.
3. Visam o nosso Bem - As disciplinas têm a finalidade de trazer abundância de Deus para nossa vida, não se trata de uma lei a ser seguida e sim de um caminho de descoberta de algo bom.

“Não tratamos de letra, mas do Espírito. É que a letra da Lei conduz à morte da alma; e o Espírito é o único que pode dar vida à alma” - (2.Coríntios 3:6)

Meditação

A meditação sempre permaneceu como uma parte central da devoção cristã, uma preparação importante para a oração.

“Saíra Isaque a meditar no campo, ao cair da tarde.” (Gen 24:63)
“No meu leito, quando de ti me recordo, e em ti medito, durante a vigília da noite.” (Salmos 63:6)
“Os meus olhos antecipam as vigílias noturnas, para que eu medite nas tuas palavras.” (Salmos 119:148)
“Bem aventurado” … “prazer está na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.” (Salmos 1:2)

Meditação Cristã não pode ser confundida com Yoga, meditação oriental ou meditação transcendental.

Meditar significa: ponderar, refletir, considerar. Logo, a meditação cristã envolve a plenitude (completude de algo) e não o vazio.

Meditamos a fim de darmos a palavra de Deus a oportunidade de penetrar não apenas a nossa mente, mas também as nossas emoções.

Como Meditar?

1. O conteúdo de sua meditação deve ser a palavra de Deus.
2. Considere um lugar calmo e silencioso para trazer à mente uma passagem ou um versículo específico. (Não se apresse).
3. Considere fazer uso de uma oração contemplativa (“Uau que maravilhoso saber que Jesus … eu jamais poderia imaginar que … Obrigado Jesus por ...”)
4. Escolha um texto bíblico para refletir durante um tempo. (Existem diversas ferramentas gratuitas na internet que podem te ajudar)
5. Considere visitar um lugar que favoreça um momento de reflexão como beira mar, parques, diante de um jardim.
6. Procure contemplar as coisas pequenas e ligar isso ao que você tem aprendido sobre Deus. Todos os elementos naturais têm forte relação com Deus pois foram criados por Ele.


Comentários

Seus Comentários


<- Voltar para Paginal Principal dos Artigos